Monday, October 27, 2014

Organizando apetrechos de limpeza

A vassoura, o rodo e a pá ficam "guardadas" no cantinho da área de serviço?
Você sabe que guardar a vassoura no cantinho é meio caminho para guardar a sujeira neste mesmo cantinho (escondidinha pela vassoura).

Aqui vai uma dica de como guardar a vassoura, o rodo, a pá e outros apetrechos de limpeza sem ocupar muito espaço e de forma bem organizada.

Thursday, October 23, 2014

Porta papel higiênico - safári

Vi essa imagem no pinterest e fiquei pensando que seria uma graça ter animaisinhos de madeira como porta papel higiênico.
Para os que têm habilidade com madeira o placas de mdf, aí vai a ideia.

Estes da imagem são porta fita adesiva.

Tuesday, October 21, 2014

Decor estilo praia

Você não precisa ter uma casa de praia para fazer seu lar ter aquele ar despojado e descontraído, com cara de férias de verão.

A casa de praia é um lugar claro, bem iluminado e arejado.

E com muito branco e azul.


 





Móveis ou parede de madeira pintados de azul ou branco dão essa sensação de aconchego e tranquilidade, com a madeira dando um tom de despojamento.








... às vezes, com alguns objetos em tons de azul, com uma parede de madeira branca já faz um efeito espetacular.
 





Outra coisa que dá "cara de praia" é o uso de cestaria, móveis de vime ou ratã






Aqui temos a combinação da parede em tom aqua, o branco do móvel e da louça e a cestaria.





Ou feitos com cordas



Sou absolutamente contra utilizar conchas ou estrelas do mar para decoração.
São lindos, mas devem ser deixados na praia. A beleza deles atrai e pacifica, mas acho crueldade tirar da praia para levar para casa. Sugiro utilizar a imagem dos seres marinhos em quadros ou objetos que nos remetam a esses seres sem prejudicá-los.



Aqui alguns exemplos com estampas ou recortes diretamente na madeira.
Dá até pra fazer em madeira de caixaria.





 
Quadros com desenhos, estampas ou fotografias
 
 
 
 



Almofadas. Como amei essas almofadas!




Outros objetos de decoração:
 
 




Esse foi meu preferido! Simplesmente lindo!
* Para falar a verdade, a imagem do forno me fez pesar em biscoitos e fiquei me imaginando servindo biscoitinhos de estrela do mar  para as crianças do prédio... OMG, como eu  adoro isso!!!

Monday, October 13, 2014

O que fazer quando você perde o controle?

Nós, mulheres, nos cobramos muito e temos que nos desdobar em muitas para cumprir todos os papéis que nos são impostos (ou que nós mesmas nos impomos). Ser a mãe maravilhosa, a profissional eficiente, a economista familiar que consegue operar o milagre de fazer as contas caberem no salário, a dona de casa perfeita, a amante incrível e mais um tanto de coisa...
 
Às vezes, a gente não dá conta. E às vezes, por não conseguir fazer o impossível, a gente perde o controle.
 
Pois, é... quando a gente perde o controle acaba gritando com as crianças, acaba falando coisas que nunca deveriam ser ditas por uma mãe, acaba ferindo a todos em volta e a si mesma.
 
Seguem algumas sugestões que podem ajudar a prevenir a perda de controle e, se acontecer, como seguir em frente.
 
1. Acalme-se
Respire lenta e profundamente. Solte.
Saia para uma caminhada. 
Vá a uma cafeteria e tome um bom caffe latte acompanhado por uma bela fatia de bolo e folheie uma revista.
Faça qualquer coisa que você sinta que precisa fazer para se acalmar. Nem pense muito: faça. 
Quando seu corpo está calmo, sua mente relaxa e se acalma e permite que você reflita melhor, planeje e tome boas decisões.
 
2. Gaste o excesso de energiaPara alguns, uma boa caminhada é a melhor coisa para colocar as ideias em ordem novamente. Para alguns, uma aula de body combat, ioga, enfim. Fazer alguma atividade física ajuda a acalmar e a fazer você se sentir melhor física, emocional e quimicamente.
 
3. Vá dormir mais cedoNas crianças, isso é bem evidente: quando estão cansadas, ficam mal humoradas e birrentas. Nós adultos deveríamos observar se não fazemos o mesmo. Pode ser que seu mal humor ou sua perda de controle esteja relacionada a poucas horas de sono.
 
4. Ligue para uma amigaOuvir a voz de sua melhor amiga pode ser tudo o que você precisava para se acalmar e se sentir melhor. Amigas sabem e entendem pelo que você está passando e é bom falar com alguém que entende a gente.
 
5. Peça desculpasAbrace seus filhos e peça desculpas por ter brigado/gritado/falado coisas horríveis.
Diga que sente muito e por que.
Você deve pedir desculpas porque é a coisa certa a se fazer, porque eles merecem suas desculpas e porque você quer que eles façam o mesmo em situação semelhante.
Faça com que você e eles aprendam como lidar com sentimentos fortes.
 
6. Peça desculpas de novoPara seu companheiro e/ou para outras pessoas que você possa ter atingido no seu momento bersek. Dedique um tempinho para essa pessoa: um happy hour ou um vinhozinho com queijo depois que as crianças forem dormir.
 
7. Planeje-sePense em como prevenir que momentos como este se repitam.
Na próxima vez em que estiver se sentindo sobrecarregada, o que você vai fazer?
O que você pode fazer para si mesma a fim de manter-se calma e com a cabeça no lugar?
 
8. Seja grataSeja grata por ter saúde, pelo emprego que (bem ou mal) te permite pagar as contas, pela família maravilhosa que você tem que perdoa e te ama incondicionalmente.
Seja grata pela cafeteria da esquina e pelo barzinho do happy hour!
A gratidão é contagiosa e se espalha facilmente entre os que convivem com quem tem essa atitude.
 
9. Siga em frenteO que passou passou: se já pediu desculpas e os ânimos foram apaziguados, se os problemas foram resolvidos e abraços foram trocados; não tem por que ficar remoendo sentimentos.
Siga em frente.
 
10. Se necessário, procure ajuda profissional
Se você sente vontade de machucar alguém ou a si mesma; se os momentos de desesperança, tristeza e desespero são mais frequentes que os de alegria e você só quer ficar na cama e chorar, chorar o dia inteiro; então você precisa de ajuda profissional.
Saiba identificar se está nesta situação, seja forte e procure ajuda.
 
E lembre-se,
Amanhã será outro diaScarlet O'Hara

Monday, October 06, 2014

Escorregador em casa

Não tenho escada em casa, mas se tivesse já estaria correndo atrás desse brinquedinho aí para alegrar os dias de chuva!


Thursday, October 02, 2014

Livros infantis - peça o seu

Já podem ser solicitados os livros infantis que o Itaú distribui todos os anos.
Trata-se do projeto Leia para uma criança isso muda o mundo.

Todos os anos são distribuídos gratuitamente pelo Itaú dois títulos de histórias infantis. No ano passado foi a primera vez em que solictitei os livros e minha filha adorou!
É o tipo de iniciativa que eu não esperaria de um banco privado (está certo que eles recebem incentivos fiscais e que é uma grande jogada de marketing, mas isso não tira o mérito da proposta maravilhosa).

O amor pelos livros se inicia na infância e a leitura por prazer é o que faz manter no jovem e no adulto aquele sentimento de encantamento e curiosidade pelo mundo que é tão característico das crianças.

Aqui em casa, livros e gibis não ficam parados por muito tempo: depois de lidos, visitam os apartamentos vizinhos e quando devolvidos são relidos (às vezes parecem que sãohistórias novas!) e emprestados para coleguinhas da escola. Depois, seguem adiante e vão econtrar novos leitores na creche municipal aqui perto de casa ou seguem para casa de outra criança.

Livro acumulando poeira é crime inafiançável :)

Segue o link para maiores informações sobre o projeto e para solicitar seus exemplares.
https://www.itau.com.br/crianca/


Vamos ler para nossas crianças - isso muda o mundo :)

Tuesday, September 30, 2014

Tapetinho para prato - casinha

Gente segue aí uma inspiração para um projeto de costura: um tapetinho para prato em formato de casinha, onde a porta é um bolso para guardar os talheres.





PS.: Nunca sei como chamar esses tapetinhos, lugar americano ou jogo americano soa tão estranho... será que tem algum outro nome?